Transporte público de Munique: como se locomover na cidade

Eu tenho um caso de amor com o transporte público de Munique. E o motivo é o seguinte: sou carioca da gema. Nasci, cresci e me tornei adulta em uma cidade onde a malha de transporte é extremamente ineficiente. O metrô no Rio vive lotado. Os ônibus e trens idem. Isso quando funcionam, né? Sem falar que não há no Rio (ou qualquer outra cidade do Brasil) qualquer segurança para a utilização do transporte público. Muito menos pontualidade e o mínimo de respeito com o passageiro.

Quando vim morar em Munique, uma das coisas que mais me impressionou foi a total eficiência do transporte público da cidade. Aqui, antes mesmo de sair de casa (e até  mesmo com dias de antecedência), você consegue saber através de um app quais as melhores alternativas para chegar ao seu destino, se o meio de transporte que irá utilizar está com problemas (se há obras na via, por exemplo), a hora em que irá chegar, o tempo estimado de viagem… É fantástico!

Acesso sem catracas

O mais surpreendente no transporte público de Munique é o fato de não haver catracas/roletas nas estações e pontos de ônibus. Tudo funciona na base da confiança: a empresa que opera os transportes parte do princípio de que todos pagaram pelas suas passagens – e de fato, a grande maioria dos passageiros cumpre sua parte! Raramente há fiscalização. E no caso de o passageiro não apresentar um bilhete válido quando solicitado, a multa é de 60 Euros.

 E a questão da segurança?

Segurança não é exatamente um problema aqui em Munique. Pra vocês terem ideia, aqui as pessoas ainda se escandalizam quando há um arrombamento /furto de casa! Infelizmente, para nós brasileiros, esse tipo de violência já se banalizou há tempos. Só mesmo crimes bárbaros nos escandalizam nos dias de hoje…

Enfim, mas o foco neste momento não é exatamente a segurança na cidade – e sim a segurança no transporte. Sobre isso, tenho uma boa notícia: relaxe! Não há problemas em pegar um trem ou um metrô, nem mesmo de madrugada… Não há motivo para ter medo de ser assaltado no ônibus… Definitivamente, não existe este tipo de risco isso aqui!

Os meios de transporte público de Munique

A malha de transporte público de Munique cobre toda a cidade e arredores e consiste na integração de:

  • Ônibus (Bus)
  • Trem suburbano (S-Bahn)
  • Metrô (U-bahn) 
  • Bonde (também conhecido como Tram)

Há também os trens regionais, rápidos e de longa distância, que ligam Munique a outras cidades e países (eles saem da estação Hauptbahnhof). E também ônibus que cumprem esta mesma finalidade (que partem da estação Hackerbrücke).

Inclusive, para ir do centro da cidade para o aeroporto, é possível utilizar o trem ou um ônibus especial (sem ter que pagar uma pequena fortuna por um transfer privado ou táxi). Nós explicamos tudo bem detalhado aqui

As zonas da cidade e tíquetes de transporte público em Munique

Ao olhar este mapa, percebemos que Munique é dividida em 4 zonas e em 16 anéis (cada zona tem 4 anéis).

Mapa com as zonas de transporte público de Munique

E por que isso é importante? Porque você deverá ter um tíquete adequado para o seu deslocamento. Por exemplo: se você está em uma estação do anel 1 e quer ir para uma estação do anel 6, sua passagem deverá contemplar esses 6 anéis. Supondo que seu tíquete abranja apenas os anéis 1 e 2, ele então não será válido para esta viagem.

Para o turista, isso pode soar um pouco complicado… Mas existem passes diários individuais e para grupos que facilitam bastante a vida de quem é de fora. O valor e a abrangência desses tíquetes podem ser conferidos aqui

Mapa do transporte público de Munique

Mapa com as linhas de transporte público de Munique

Este mapinha é um salva-vidas, uma mão na roda pro turista. Parece um emaranhado de linhas à primeira vista, né? Mas, depois de analisar melhor, você verá que, na realidade, basta considerar a estação de sua partida e chegada e ir seguindo as linhas dos mapas, que indicam as linhas e meios de transporte.

É normal ter mais de uma opção de transporte para um mesmo trajeto. Daí a eficiência do sistema de transporte na cidade.

Antes de pegar o trem, metrô, ônibus ou bonde, sempre fique atento não apenas à linha, como também ao sentido. O sentido daquela linha será sempre o seu ponto final, como vocês podem conferir no mapinha acima.

Comprando tíquetes

Os tíquetes de transporte devem ser comprados nas máquinas que existem na entrada das estações e nos pontos de ônibus e bondes.

Máquina para compra de tíquetes de transporte público de Munique

A língua da máquina poderá ser alterada (para inglês ou espanhol, por exemplo), o que já facilita bastante a vida do turista brasileiro. 

O pagamento dos tíquetes pode ser feito com dinheiro (notas e moedas) ou cartão (crédito ou débito).  E as máquinas dão troco, embora nem todas aceitem notas de 100 Euros.

Muito importante: não se esqueça de validar sua passagem, caso ela não tenha a data de validade impressa (isso pode acontecer em alguns casos). Se a passagem não estiver validada e, eventualmente, o fiscal pedir para ver seu tíquete, você terá que pagar a mesma multa de quem nem sequer se preocupou em comprar o tíquete. E nem adianta argumentar que você é turista e que não sabia das regras locais. Isso certamente não será aceito como justificativa.

Crianças abaixo de 6 anos de idade viajam gratuitamente!

Vale a pena alugar um carro para passear por Munique?

Caos você esteja hospedado em uma área central ou até em uma região mais afastada que tenha transporte público nas proximidades, não há qualquer necessidade em alugar um carro para conhecer Munique!

O transporte público de Munique atende muito bem não só aos locais, como também aos turistas, levando-os aos principais pontos turísticos da cidade com eficiência, segurança e pontualidade.

Nos nossos tours por Munique e arredores, costumamos utilizar o transporte público para os deslocamentos. E achamos que está é sem dúvida a melhor opção para os nossos turistas!

E se você está vindo para Munique e ainda não conhece os nossos tours com guias brasileiras, dê uma conferida nos nossos principais roteiros – e não deixe de falar conosco para solicitar uma cotação!

Sobre Márcia Oliveira 95 Artigos
Márcia Oliveira é uma carioca completamente apaixonada por viagens. Atualmente mora em Munique, na Alemanha, onde trabalha como guia de turismo para brasileiros. É formada em jornalismo, tem paixão por fotografia e tecnologia. Ama a família e os animais. Aprecia as coisas simples da vida. E adora escrever no blog e receber mensagens dos leitores!

3 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*