Doces que você tem que provar na Alemanha

Se você vem para a Alemanha, já aviso logo: esqueça a dieta! Apesar de os alemães serem, em sua grande maioria, magros, eles sabem preparar doces deliciosos! A boa notícia é que os doces alemães não são tão doces/”melados” quanto os brasileiros, e, por isso, costumam ser menos enjoativos. Por outro lado, as tentações são muitas, e é impossível sair daqui sem experimentar essas delícias alemães!

A seguir, preparamos algumas sugestões de doces que você tem que provar na Alemanha e também de guloseimas que nos conquistam visualmente, mas que, na verdade, não valem ser provadas!

Não deixe de comer essas delícias!

1) Krapfen

O Krapfen uma espécie de “sonho” com coberturas e recheios variados. Há o de damasco, framboesa, groselha, chocolate, baunilha… Apesar de ser um doce típico da época do Carnaval, é possível encontrá-lo ao longo de todo o ano nas padarias e confeitarias. Vale a pena provar, você não irá se arrepender!

2) Torta Floresta Negra

Hummm, que delícia a mistura do chocolate com o azedinho da cereja! A Torta Floresta Negra é um clássico aqui na Alemanha. Além de leve, é realmente deliciosa!

3) Apfelstrudel

Só de falar já me dá água na boca: o Apfelstrudel alemão é um doce imperdível! Normalmente, ele é servido com sorvete de baunilha e/ou creme de baunilha e também com chantilly. Uma combinação divina!

Muita gente estranha, porque o Apfelstrudel daqui é diferente do que costumamos comer no Brasil (menos crocante, com mais maçã). Eu, como boa apreciadora de doces, gosto das duas versões, mas ainda prefiro a versão alemã, por ser menos enjoativa.

4) Sorvetes

Os alemães amam sorvete! Basta a temperatura subir um pouquinho para correrem para as sorveterias. Não é à toa: os sorvetes na Alemanha são realmente muito gostosos. E não precisa ir a uma sorveteria para ser feliz: até mesmo os sorvetes vendidos nos supermercados costumam ser bons.

E pra quem curte o delicioso Häagen-Dazs, saiba que aqui ele não é nenhuma pechincha, mas que é muito mais barato que no Brasil. Aproveite!

5) Chocolates

Não há como falar de doces na Alemanha sem falar nos deliciosos chocolates! Por aqui os chocolates são muito baratos. Até mesmo as marcas mais caras no Brasil (como a Lindt) têm um preço extremamente acessível, o que faz com que seja difícil resistir a eles!

Nosso conselho: fuja desses três doces!

1) Bola de Neve

As Bolas de Neve são lindas e enfeitam as vitrines de várias cidadezinhas da região da Baviera, deixando todos com água na boca. Mas, quer saber a verdade? Eu não recomendo esse doce a ninguém: o que ele tem de bonito tem de ruim. Imagine que ele é uma bola maciça de massa com uma cobertura. Difícil de morder e de engolir. Já tentei até passar Nutella pra ver se descia… Mas nem assim ficou gostoso.

E não sou só eu que acho isso! Vários amigos e turistas que passearam comigo já relataram a mesma decepção com a Bola de Neve. Não caia nessa!

2) Lebkuchen

O Lebkuchen parece um pão de mel, mas não é. Tem especiarias, é meio duro. Não chega a ser totalmente ruim, mas não é um doce que eu compraria para comer ou para presentear alguém.

3) “Brigadeiro alemão”

Os alemães acham o nosso brigadeiro muito doce – e de fato eles têm razão! No entanto, cuidado para não cair numa “pegadinha” e comprar gato por lebre: é comum encontrar na vitrine das confeitarias um doce chamado de Rumkugel (bola de rum). Ele se parece visualmente com o brigadeiro. O problema é que o gosto é completamente diferente.

Se quiser comer um brigadeiro na Alemanha, o jeito é ir ao mercado, comprar o leite condensado Moça (sim, aqui vende!) e fazer você mesmo em casa.
Sobre Márcia Oliveira 78 Artigos
Márcia Oliveira é uma carioca completamente apaixonada por viagens. Atualmente mora em Munique, na Alemanha, onde trabalha como guia de turismo para brasileiros. É formada em jornalismo, tem paixão por fotografia e tecnologia. Ama a família e os animais. Aprecia as coisas simples da vida. E adora escrever no blog e receber mensagens dos leitores!

4 Comentário

  1. Marcia, ola! Estou pensando em conhecer Munique em setembro,vc poderia me dizer as regiões que seriam legais para se hospedar? Visto que hoje também temos a facilidade do Arbnb. Obrigada pela ajuda de antemão.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*